Judo 009

No passado dia 12 de outubro, pelas 15:00, realizou-se a penúltima fase do Torneio Moliceiro 2014, contando com cerca de 40 atletas de vários clubes do distrito de Aveiro, nomeadamente, a Associação Académica da Universidade de Aveiro, o Beira-mar, a Associação Desportiva Recreativa e Educativa da Palhaça, a Casa do Povo de Esgueira, a Associação de Melhoramento de Eixo e o Colégio D. José I.

Desta feita, a prova concretizou-se na Escola Básica Integrada de Eixo, fomentando sinergia entre o Clube da Escola (AME), representado pelos Mestres Nuno Vieira e João Cruz, bem como pela Secção de Judo do Beira-mar, e a ADJA-Associação Distrital de Judo de Aveiro, que, em conjunto, organizaram esta terceira fase do Torneio.

O Grupo de Escolas de Eixo tem apoiado incondicionalmente a modalidade Judo, de forma a combater o abandono e o insucesso escolares, defendendo a inclusão e oferecendo à comunidade escolar um leque de atividades, com o intuito de potenciar aos atletas um horizonte mais alargado e criar cidadãos completos.

Pela primeira vez, estiveram presentes atletas dos 4 aos 12 anos oriundos da Associação de Melhoramento de Eixo(Joana Raquel, Lara Dinis, Luís Cristiano e Joel Silva), marcando um passo para a promoção da modalidade nos trâmites da escola, bem como mostrando às crianças que vencer é possível, desde que haja dedicação, empenho e respeito - valores perpetuados por esta modalidade – e que saber perder com serenidade faz parte do código de conduta do Judo.

20140929 114708

Entre o dia 29 de setembro e 1 de outubro, na EB 2/3 de Cacia, foram realizados diversos workshops de Judo, sob a orientação do Mestre Nuno Vieira. Esta atividade em larga escala abrangeu todas as turmas da escola, totalizando 360 alunos que tiveram a oportunidade única de conhecer um pouco mais desta modalidade ímpar, indicada pela UNESCO como o desporto de formação mais completo para crianças e jovens dos 4 aos 21 anos.

O feedback por parte da comunidade escolar revelou-se bastante positivo, tendo os alunos demonstrado um forte interesse pelo Judo. O IDEC – o clube que promoveu esta iniciativa – teve como principal objetivo apresentar esta modalidade que irá funcionar na própria escola, às 2ªs e 5ªs, das 19:30 às 20:30.

DSC08633

No passado domingo, dia 22 de junho, realizou-se, na emblemática cidade de Coimbra, a Taça António Lopes Aleixo, competição de Judo direcionada aos escalões de Juvenis e Cadetes. O Agrupamento de Escolas de Eixo – AME esteve representado pelo seu atleta, Ruben Nogueira...

O atleta participou pela primeira vez numa prova de Judo, tendo representado as cores do seu clube de uma forma consideravelmente positiva, conseguindo um honroso 5ºlugar.

No final da prova, o treinador Nuno Vieira mostrou-se muito satisfeito pelo desempenho do atleta, pois este mostrou muita garra e coragem ao participar nesta competição. O Ruben é um atleta aplicado, que não falta aos treinos e que quer aprender. O Mestre Nuno Vieira acredita que este será o início de muitos sucessos desportivos e conquistas.

Escola EB 2,3 Fernando Pessoa

Escola EB 2,3 de Paços de Brandão

Nos dias 26 e 27 de fevereiro o Judo foi, ás EscolasEB 2,3 Fernando Pessoa e EB 2,3 de Paços de Brandão em Santa Maria da Feira. O objetivo foi divulgar esta modalidade ímpar – considerada pela UNESCO como a modalidade de formação mais completa para crianças e jovens dos 4 aos 21 anos. O coordenador do projeto 4JUDO, o Mestre Nuno Vieira, treinador na Secção de Judo do Feirense, e Tiago Botorão diretor desportivo da secção de Judo, com apoio de alguns atletas, nomeadamente Ana Leite e Ivo, levarem a cabo esta iniciativa.

Cerca de 420 alunos tiveram a oportunidade de sentir de perto como se pratica este desporto derivado das artes marciais. O Judo pretende valorizar física e mentalmente o atleta, preparando-o para a vida em sociedade, dentro e fora do tapete, vincando a componente cívica e humana da modalidade, que aposta no autoconceito e na autoestima dos atletas, contribuindo sobremaneira para o conceito de Escola Inclusiva. O Mestre Jigoro Kano, quando fundou o Kodokan (Escola para o estudo da via ou Instituto do Grande Princípio), no Japão, em 1882, lançou as bases do Judo, que incluem valores de respeito e solidariedade, entre outros, os quais preservámos numa interação lúdica e de conquista.

Os participantes receberam ainda um voucher que lhes permitirá participar gratuitamente em 3 aulas na secção de Judo do Feirense.

 

O Judo foi à Escola; uma escola para todos!

jafonsoNos dias 17 e 28 de fevereiro, o Judo foi à EB2/3 João Afonso, em Aveiro. O objetivo foi divulgar esta modalidade ímpar – considerada pela UNESCO como a modalidade de formação mais completa para criança e jovens dos 4 aos 21 anos - e dar a conhecer locais onde a mesma pode ser praticada. O coordenador do projeto 4JUDO, o Mestre Nuno Vieira, convidou o Mestre César Ramos do Clube Secção de Judo do Beira-Mar, o Mestre António Costa do Clube AAUAV e a Casa do Povo de Esgueira para, em conjunto, levarem a cabo esta iniciativa.

Mais de 635 alunos tiveram a oportunidade de sentir de perto como se pratica este desporto derivado das artes marciais. O Judo pretende valorizar física e mentalmente o atleta, preparando-o para a vida em sociedade, dentro e fora do tapete. Esta atividade incluiu alunos com NEE, comprovando que o Judo é para todos, e vincando a componente cívica e humana da modalidade, que aposta no autoconceito e na autoestima dos atletas com e sem NEE, contribuindo para o conceito de Escola Inclusiva. O Mestre Jigoro Kano, quando fundou no Japão em 1882 o Kodokan (Escola para o estudo da via ou Instituto do Grande Princípio), lançou as bases do Judo, que incluem valores de respeito e solidariedade, entre outros, os quais preservámos numa interação lúdica e de conquista.Os participantes receberam ainda um voucher que lhes permitirá participar gratuitamente em 3 aulas em qualquer um dos 3 clubes. Pois é. O Judo foi à Escola; uma escola para todos!